Facebook4 (38)O empreendedor brasileiro sofre com a alta carga tributária e, com a crise, os impostos estão aumentando ainda mais. O que já era difícil ficou mais difícil: além de ter que lidar com a redução da demanda você tem que lidar, ainda, com o aumento de impostos.

Mas, tão ruim quanto o aumento dos impostos, é pagar imposto que você não deve! E isso pode estar acontecendo no seu negócio, neste momento, sem você saber.

Um caso comum é o FGTS para empresas optantes pelo Simples.

Em 2001 foi aprovada uma lei que diz o seguinte: se um funcionário seu for demitido sem justa causa, além da multa de 40% do FGTS, é preciso pagar um adicional de 10%.

No entanto, este adicional NÃO SE APLICA a empresas optantes pelo Simples e, ainda assim, a grande maioria das micro e pequenas empresas neste regime o pagam.

Em resumo: estão pagando, sem saber, um imposto que não é devido.

Sua empresa opta pelo Simples e tem pago 50% de multa do FGTS?

A má notícia é que você tem pago impostos indevidos.

A boa notícia é que você pode reaver todo o dinheiro pago a mais nos últimos 5 anos, corrigido, e ainda evitar que este pagamento adicional ocorra daqui pra frente.

Isso é feito através de uma liminar e um processo judicial simples, que um bom advogado pode resolver sem demandar muito de seu tempo e sem causar dores de cabeça.

O Ligiane Fernandes Advocacia possui a expertise necessário para buscar o ressarcimento a quem possui a legislação a seu favor.

Se você desconfia que sua empresa está recolhendo esta tributação de forma equivocada, entre em contato através do contato@ligianefernandes.com e ficaremos felizes em lhe ajudar.

Write a comment:

You must be logged in to post a comment.

© 2014 LIGIANE FERNANDES | ADVOCACIA

logo-footer

TODOS OS DIREITOS RESERVADOS